Adormecida – Anna Sheehan.

Adormecida.

 

 

 

 

 

Sinopse – Adormecida – Anna Sheehan

Rose Fitzroy esteve dormindo profundamente por décadas. Imersa num sono induzido, esquecida em um porão por mais de 60 anos, a jovem foi tratada como desaparecida enquanto os anos sombrios pairavam sobre o mundo. Despertada como por encanto e descobrindo-se herdeira de uma corporação multimilionária, Rose vai entendendo pouco a pouco, tudo o que aconteceu em sua ausência.Ela descobre que seus pais estão mortos. O rapaz por quem era apaixonada não é mais que uma mera lembrança. A Terra se tornou um lugar estranho e perigoso, especialmente para ela, que terá de assumir seu lugar à frente dos negócios.

Desejando adaptar-se à nova realidade, Rose só consegue confiar numa única pessoa estranhamente familiar. Rose até gostaria de deixar o passado para trás, no entanto, ao pressentir o perigo, percebe que precisa enfrentá-lo – ou não haverá futuro.

Adormecida – Anna Sheehan.

……………………………………………………..
Resenha Pessoal!
…………………………………..
A princípio achei que esse livro fosse apenas uma releitura da história da bela adormecida, maas, a cada página virada ficava claro que não se tratava apenas disso. Realmente a história nos remete ao conto da bela adormecida, as semelhanças em que Rose é despertada nos levam a isso, mas, novamente paramos por aí.

Rose Fitzroy dormiu por mais de 60 anos em seu tubo de estase, esquecida em um porão empoeirado. Despertada por um rapaz desconhecido, Rose sofre um grande impacto ao descobrir quanto tempo se passou desde a última vez que a colocaram para dormir. Agora, herdeira de um império multimilionário, com a ciência de que seus pais e seu grande amor não passam de lembranças…

Além do impacto de descobrir que todos que amava estão mortos, vem a terrível fase de adaptação pós estase, dores musculares, órgãos que precisam de nanorrobôs para continuar funcionando, dificuldade para se alimentar e vários outros sintomas bem incômodos…

O mundo mudou, as pessoas mudaram, tecnologias avançaram, e Rose precisa (tentar) se adaptar à essa nova realidade. Assim, o representante da UniCorp designa tutores para cuidar dela e a matricula no Preparatório Uni, que era considerada a melhor escola do sistema solar, então aí começa todo o drama de Rose com sua falta de aptidão para os estudos e para fazer amizades…

Apesar de tecnicamente Rose ser maior de idade ela tem apenas 16 anos, mas a autora me surpreendeu aí, apesar de passarmos por uma fase meio cansativa devido a todos os dilemas e dramas de Rose, creio que a autora soube dosar e não passou muito do ponto.

Vou abrir um parêntese aqui para explicar melhor o que é o estase:
(Acho que posso comparar o estase a um tipo de coma induzido, a pessoa é colocada em um tubo estase e uma mistura de substâncias químicas induz a pessoa a dormir, durante o tempo que se passa adormecido seu corpo para de funcionar, não envelhece, não precisa de nutrientes, pois todo seu sistema é posto em um estado de letargia.
E assim se passam dias, meses, anos… sem que a pessoa que está em estase perceba, durante todo o tempo em que permanece nesse estado de suspensão as sensações de medo, ansiedade, preocupações, tristeza são eliminados do sistema nervoso por “supressores do medo” e tudo o que resta na mente da pessoa são uma espécie de sonho, só que não são sonhos de verdade, é mais como se a pessoa estivesse vendo dentro de sua própria mente.) Foi um parêntese enorme, mas acho que deu para passar a ideia central.

“Adormecida” é uma distopia que se passa em um tempo após o que poderíamos chamar praticamente de Apocalipse, grande parte da humanidade foi dizimada por infestações de doenças e até mesmo a tecnologia que deveria ter sido uma das grande aliadas se mostrou uma das principais pragas que levou a humanidade aos chamados “Tempos Sombrios”, é muito tempo após a reconstrução que Rose é despertada.

Para enriquecer mais ainda a trama alguém está tentando eliminar Rose e esse será um dos grandes pontos de interrogação durante a história. Um personagem que me chamou muito a atenção foi Otto, que é o resultado de uma experiência cientifica que cruzou DNA humano com um micróbio alienígena, e as particularidades em sua forma de comunicação, além de sua história que é extremamente triste, Otto é um personagem apaixonante.

Adormecida iniciou para mim como qualquer outro livro, mas se mostrou uma das histórias mais lindas que li nos últimos tempos. A autora consegue mostrar o mundo que ela criou, de uma forma simples, com muitos detalhes sem cansar ou deixar dúvidas.

“Então, quando o vibrante azul da paisagem marinha que eu tentava segurar foi interrompido, não por uma mão, mas pela sensação de lábios tocando os meus, fiquei surpresa. Respirei fundo e me sentei ereta, batendo a cabeça contra meu suposto salvador.” Pág 7

“Com todo cuidado, pousei meus dedos na palma da mão dele e, com toda delicadeza, os dedos de Otto se fecharam ao redor da minha mão. – Boa tarde, princesa – pensei em uma voz que não era a minha. – Meu nome é Otto Sextus.” Pág 41

Um comentário em “Adormecida – Anna Sheehan.

Qualquer pedido de envio de livros para e-mails serão ignorados a partir de agora, se quiserem podem baixar os livros na biblioteca do blog, bjss!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s